quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Scorpions chega a São Paulo com turnê de despedida

Foto: Getty Images
Klaus Meine, vocalista do Scorpions
Maior banda alemã de todos os tempos, o Scorpions desembarca hoje em São Paulo com a turnê com que encerra sua carreira, "Get Your Sting and Blackout World Tour 2010". Formada no final dos anos 1960, lançou o primeiro disco em 1972. A banda conta que precisava de um disco fenomenal para sair de cena "no auge", segundo disse ao jornal O Estado de S. Paulo, em agosto, o guitarrista Matthias Jabs. Quando lançaram Sting on the Tail, este ano, com a mistura perfeita de hard rock grandiloquente e baladas certeiras, decidiram que era a hora.
Alemães de Hannover, eles venderam mais de 100 milhões de álbuns e tornaram hits radiofônicos eternos músicas como "Still Lovin' You", "Wind Change", e "Rock You Like a Hurricane". O novo disco tem canções de calibre semelhante, como "Lorelei" e "Sly".
"As baladas tratam de sentimentos pessoais. É como em todo ser humano: há um lado romântico, mas há outro agressivo dentro da gente. Nós abraçamos todos os nossos sentimentos, inclusive os agressivos", disse Jabs. Famosos por reunirem públicos de mais de 100 mil pessoas na América Latina, fazem dois concertos indoor em São Paulo, ambos lotados.
O núcleo fundador da banda inclui Jabs, Klaus Meine (cantor) e Rudolf Schenker (guitarrista), todos sessentões. "Esse álbum novo é uma volta aos meados dos anos 1980, àquele som que nossos fãs adoram e nós também. É muito bom tocar essas músicas novas, mas o show será uma mistura dos novos e velhos sucessos. Os fãs querem ouvir os clássicos, e nós vamos tocá-los", garantiu o guitarrista.
Serviço – Scorpions no Brasil
São Paulo
Credicard Hall
Sábado (18), às 22h; domingo (19), às 20h
Ingressos: R$ 100 a R$ 600
Curitiba
Terça (21), Arena do Expotrade Convention Center
Ingressos: R$ 105 a R$ 205
Brasília
Quarta (22), Ginásio Nilson Nélson
Ingressos: R$ 140 a R4 420
São Luís
Sexta (24), Centro Histórico
Ingressos: R$ 150 a R$ 350

Nenhum comentário:

Postar um comentário